Empresas apostam na formação e desenvolvimento de líderes. GTS firma parceria com a Fiesc

A GTS do Brasil, indústria de máquinas e implementos agrícolas, instalada em Lages, na Serra catarinense, atua no segmento do agronegócio há 19 anos, e é considerada uma das maiores e mais bem qualificadas do setor no Brasil. Em amplo crescimento, para 2019 a empresa projeta um crescimento de 20% no seu faturamento.

Para alcançar esse resultado, a organização oferece soluções completas e inovadoras para mecanização do campo e atende todo o território nacional investe fortemente em tecnologia, maquinário e nas pessoas, capacitando seus colaboradores no intuito de formar novos líderes.

Com o objetivo de qualificar seus colaboradores à tornarem-se líderes competentes e fortalecer a atuação deles no ramo, com a construção de relacionamentos saudáveis que potencializam os resultados das equipes e da organização, a GTS firmou parceria com a Federação das Indústrias de Santa Catarina (Fiesc), e por meio do Sesi, e realiza o Programa Desenvolvimento de Lideranças.

A consultora de educação corporativa do Sesi, Kelin Cristiani Feldhaus, destaca que 70% do clima de uma equipe é reflexo do perfil de liderança empregado, ou seja, a forma como o gestor delega, inspira, engaja e dá os feedbacks para os colegas. E ainda, pesquisa da Fiesc, aponta que o formato com que uma equipe é gerida, aumenta em até 20% o crescimento dos resultados de uma organização.

“Uma equipe que trabalha unida consegue exercer a sua função com propriedade, fazer as entregas das demandas com qualidade e eficiência. Isso ocorre porque as relações profissionais e pessoais acabam sendo estimuladas a serem vividas de uma só forma, o colaborador torna-se um empreendedor mesmo a empresa não sendo sua”, frisa Kellin.

A gerente administrativa da GTS do Brasil, Sirlene Bisol, acredita no desenvolvimento das pessoas. Relata que “o Programa existe há quatro anos e por ele já passaram cerca de 43% dos colaboradores. Sendo profissionais que já estão em cargos de lideranças e outros potenciais líderes, que estão sendo preparados para assumir as oportunidades futuras.

Exemplo desse desenvolvimento é o colaborador Anderson Waltrick Machado de 33 anos, formado em Gestão de Produção, acadêmico da 2ª fase do curso Engenharia de Produção, ele iniciou há sete anos como montador de máquinas, por incentivo da empresa buscou formação, participou do Programa de Desenvolvimento de Lideranças e atualmente é coordenador de Produção e Almoxarifado de uma filial da GTS.

“Por meio do programa eu consegui identificar os meus pontos fortes e os pontos à serem melhoradas. Aprendi também a trabalhar melhor na gestão das pessoas. Hoje tenho sob minha liderança, uma equipe de 25 colaboradores”, comenta Anderson que busca evoluir ainda mais na organização.

O programa de desenvolvimento de lideranças possui encontros mensais e visa o público que já possui algum envolvimento com a liderança dentro da organização. O conteúdo do projeto é voltado para o papel do líder, seu autoconhecimento, relacionamento, comunicação e feedback, como se tornar um líder que inspira e engaja sua equipe.

Mais informações kelin.feldhaus@sesisc.org.br ou pelo telefone (49) 3221-3737.

Por: Catarinas || Texto e fotos

Compartilhe

Escreva um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *